O Alto Minho Ensemble é uma formação de constituição variável dedicada à interpretação de música de câmara de várias épocas da história da música, com especial relevância para o período barroco. Surgiu e 2015, por iniciativa da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), reunindo diferentes gerações de músicos oriundos do Alto Minho ou que aqui exercem a sua atividade profissional, com reconhecido valor ou com créditos confirmados ao nível nacional ou internacional.
O objetivo primordial do Alto Minho Ensemble é promover a valorização e a afirmação de recursos e novos talentos musicais do Alto Minho e, simultaneamente, através da fruição de música de qualidade, contribuir para a criação de novos públicos.
O Alto Minho Ensemble tem a direção artística de Sergey Arutyunyan e a produção e direção executiva de David Martins.

Programa de 24 de Novembro - Igreja de Longos Vales, Monção

A. Vivaldi (1678-1741) Concerto em Mi Maior Op.3 N 12

J. S. Bach (1685-1750) Concerto para 2 violinos em ré menor BVW1043

G. F. Haendel (1685-1759) "Gloria in Excelsis Deo"

A. Vivaldi (1678-1741) Concerto para Flauta Op 10 N3 "Il Gardellino"

J. S. Bach (1685-1750) Aria "Ich freue mich auf meinen Tod", da Cantata "Ich habe genug" BWV 82a

Alto Minho Ensemble (elenco):

Violinos
Sergey Arutyunyan
Larisa Shomina
Alexandre Arutyunyan
João Pedro Baptista
Vânia Rodet

Viola
Iakov Arutyunyan

Violoncelo
Bruno Fernandes

Contrabaixo
Jaime Alvarez

Cravo
Diogo Zão

Flauta
Sílvia Cancela

Soprano
Rita Venda

Direção Musical
Sergey Arutyunyan

Conceito, Direção Artística e de Produção
David Martins